05 nov

Supermercado alemão abole as sacolas

As fundadoras do supermercado Original Unverpackt, Sara Wolf and Milena Glimbovski

As fundadoras do supermercado Original Unverpackt, Sara Wolf and Milena Glimbovski

A ideia das moças da foto ao lado funciona assim: você vai até o supermercado delas com o seu próprio recipiente (geralmente uma sacola daquelas de pano), ele é pesado, os funcionários do Berlim Original Unverpackt colocam-lhe uma etiqueta com o peso que esse recipiente tem e você sai para comprar. Quando chegar à caixa registradora, o peso das embalagens é descontado do peso total e você paga só o que está lá dentro. A etiqueta é projetada para sobreviver a algumas lavagens, para que você possa voltar e pular o processo de pesagem por um tempo.
A ideia de Sara e Milena foi alvo de uma reportagem do jornal inglês The Guadian. O resto dela (em inglês) pode ser acessada neste link: http://www.theguardian.com/sustainable-business/2014/sep/16/berlin-duo-supermarket-no-packaging-food-waste

Mas, além da ausência das sacolinhas de plástico, o Original Unverpackt  está assente em uma proposta distinta de venda de produtos: não há embalagens chamativas (todos os itens são embalados em algo bastante minimalista, para dizer o mínimo) e não há muitas opções de um mesmo produto. Como uma das donas disse, “aqui você não vai encontrar centenas de opções de loções para o corpo ou de azeite”.

É uma ideia interessante, mas não é nova. O texto do Guardian aponta outras duas propostas já existentes, nos Estados Unidos e na Inglaterra. Boa leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.