10 fev

Políticas de moradia para artistas

Em Nova York, o prefeito Bill de Blasio divulgou, esta semana, a intenção de criar 1.500 novas unidades de habitação a preços acessíveis para os artistas até 2024. Este movimento pretende reforçar a ideia de Nova York como a capital cultural dos Estados Unidos. Além de Nova York, outras duas cidades americanas estão criando programas para incentivar o uso de moradias, especialmente em áreas históricas ou centrais, para artistas.

A reportagem completa está no site Next City, no seguinte link: http://nextcity.org/daily/entry/cities-affordable-housing-for-artists

Artista

 

 

2 thoughts on “Políticas de moradia para artistas

  1. Nos primórdios da revitalização do bairro do Recife, nos anos 80, isso aconteceu no centro histórico e foi um momento bacana daquela região. Muita coisa importante no mundo das artes acontecia por ali. Depois desandou, mas o bairro nunca perdeu completamente essa referência.

    • Cada vez mais acho que essa é uma saída interessante para o processo de reocupação dos centros. Não me lembro agora da cidade, mas acho que era na Espanha, onde a Prefeitura deu incentivos – semelhantes aos que agora estão sendo oferecidos nos exemplos dos Estados Unidos – para que o Centro fosse ocupado pelas artes. Até onde me lembro, parece que funcionou. Por que a experiência do Recife não foi bem-sucedida?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.